Suspeito de estuprar a filha dos 8 aos 12 anos, fotógrafo é levado para presídio

Tinha vídeos de sexo com a filha

O fotógrafo preso nesta quinta-feira (22), no Bairro Coophavila II, acusado de estuprar a filha de 12 anos e fazer vídeos pornográficos com a menina passou por audiência de custódia nesta sexta-feira (23), sendo levado para o Presídio de Trânsito.

Informações são de que, ele abusava da filha desde os 8 anos e produzia vídeos do estupro que cometia contra a menina. Com cenas fortes, a imagens chocaram os policiais que as assistiram as cenas durante a prisão.

Durante sua prisão em sua residência material pornográfico foi encontrado no computador dele. Cenas de sexo explícito envolvendo crianças e adolescentes, além de fotos e vídeos onde abusava sexualmente da menina foram localizados. O material foi apreendido e deve ser periciado.

A menina mora com a mãe, já que os pais são separados, e era abusada quando ia visitar o fotógrafo. O caso foi denunciado na Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) pela mãe da menina, que desconfiou do comportamento da filha. A partir daí o fotógrafo passou a ser investigado.

O autor tem outra filha, mas a princípio, a informação é de que somente a garota de 12 anos era estuprada.

MIDIAMAX – CAMPO GRANDE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *